quarta-feira, 21 de dezembro de 2011

Proposta Curricular de Geografia do 6º ao 9º ano Itabaiana-SE

Prefeitura Municipal de Itabaiana
SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO
GEOGRAFIA
INTRODUÇÃO
Nas últimas décadas, a ciência geográfica assistiu a uma série de mudanças, às vezes bastante acentuadas. De uma visão excessivamente descritiva e de memorização, passou se a posturas mais explicativas, analíticas e sintéticas. O retorno do território como categoria central de análise e as questões associadas à globalização, a problemática ambiental e a necessidade de resgatar a força do lugar recolocaram a Geografia no centro das discussões cotidianas e das políticas públicas, cada vez mais interessadas numa visão sintética e integradora que acompanhou a trajetória da ciência geográfica.
Muitas das questões latentes do século XXI são eminentemente geográficas. Nesse sentido, a relação homem-meio, os problemas socioambientais, a globalização, a questão das fronteiras, das migrações, as formas de uso e ocupação do espaço, seja urbano ou rural e a problemática do resgate da identidade associada ao lugar são alguns dos exemplos do temário geográfico que muito interessam a todos. Ademais, o foco de trabalho da Geografia, centrado na categoria espaço, território, paisagem e lugar, dá uma contribuição decisiva para algo vital para a sociedade como é a luta pela cidadania.
O ensino de Geografia revela-se assim como uma possibilidade de avaliar as ações humanas sobre a superfície terrestre, de conhecer o funcionamento da natureza e da sociedade numa perspectiva territorial e paisagística e também de compreender o mundo criticamente em sua espacialidade, seja na escala global, regional ou nas esferas do lugar, onde o papel do vivido é mais acentuado.
O presente trabalho tem como objetivo central elaborar o programa de conteúdos da disciplina Geografia a ser trabalhado em cada uma das quatro séries finais do Ensino Fundamental da SEDUC de Itabaiana. Numa primeira aproximação, o referido objetivo se apresenta como algo relativamente simples, entretanto é conveniente destacar a complexidade dessa tarefa, que envolve reflexões mais aprofundadas sobre os PCN’s da área, sobre currículo, sobre a própria prática pedagógica dos professores, acerca da força e dos limites do uso do livro Didático de Geografia e a respeito de questões mais abrangentes, como é o caso da avaliação proposta pela MEC para todo o Brasil.
OS CRITÉRIOS DA SELEÇÃO DOS CONTEÚDOS
Os PCN’s de Geografia para o Ensino Fundamental enfatizam quatro objetivos: “trabalhar com os alunos, (...), uma melhor compreensão da realidade. (...) Trabalhar o mundo atual em sua diversidade, construindo explicações de como as paisagens, os lugares e os territórios são produzidos. (...) Uma terceira intenção é que os alunos se apropriem do conhecimento geográfico, como forma de compreender sua própria vida. Uma quarta intenção é a de que o conjunto de temas que compõem os eixos expresse conteúdos conceituais, procedimentais e atitudinais.” (Grifo nosso). Esses quatro referenciais foram levados em consideração na definição de critérios para os programas de Geografia do Ensino Fundamental.
Além desses referenciais, os livros didáticos mais utilizados pelos professores de Geografia da SEDUC, sobretudo aqueles referenciados favoravelmente pelo MEC, também foram levados em consideração, tendo em vista a prática corrente dos professores na sobrevalorização do livro didático. Por último, os descritores da Prova Brasil/SAEB, ainda que não considerem explicitamente o conteúdo geográfico, também foram considerados, em especial, os conteúdos associados à cartografia e à escala.
Os PCN’s de Geografia para o Ensino Fundamental não priorizam a região como categoria analítica. Talvez a dificuldade teórica de trabalhar com um conceito tão volátil e que foi bastante modificado ao longo da História do Pensamento Geográfico fez com que a equipe dos PCN’s priorizasse outras categorias mais pujantes do ponto de vista teórico. Entretanto, para a Geografia escolar e para as pessoas em geral, a região é algo muito presente e também está associada à noção de escala, ainda que seja confusa e de difícil tratamento metodológico. Seja como for, abandonar ou diminuir fortemente a abordagem regional não parece ser uma solução adequada e por isso a presente proposta enfatiza a análise regional, alicerçada nos conceitos mais vigorosos de território, paisagem e lugar.
6º ANO
Ementa
Aspectos conceituais da ciência geográfica, noções da Cartografia, a dinâmica da natureza e sua interação com a ação humana, a relação campo cidade.
O sexto ano tem o desafio, que deve ser ampliado nas demais séries, de discutir alguns conceitos da geografia, leitura e interpretação territorial da sociedade.
As discussões devem girar em torno do espaço geográfico, seja em termos da dinâmica natural, seja da vida socioeconômica, política e cultural.
Competências
· Compreender a relação entre a sociedade e a natureza por meio de leitura crítica
do lugar, do território e das paisagens.
· Conhecer a dinâmica da sociedade numa perspectiva territorial.
· Compreender o funcionamento da natureza e de sua importância para o homem.
· Conhecer a dinâmica socioambiental do campo e da cidade.
Habilidades
· Saber utilizar a linguagem gráfica para obter informações e representar a espacialidade dos fenômenos geográficos.
· Realizar leitura paisagística de modo que interprete, analise e relacione informações sobre o espaço geográfico.
Objetivo
Estudar o espaço geográfico em suas várias dimensões de forma a obter conhecimentos que contribuam para a formação de uma visão crítica da sociedade e para o desenvolvimento da cidadania.
Conteúdo Programático
1. Unidade I
· Espaço Geográfico - Paisagem - Território - Lugar e Cidadania - Meio Ambiente - Natureza e Trabalho - O Mundo e a Tecnologia Contemporânea - Região, Redes e Globalização.
2. Unidade II
· Orientação espacial - Localização - Mapas: Elementos, escalas, tipos, leitura e interpretação - Croquis - Convenções cartográficas - Noções de projeções.
3. Unidade II
· Universo - A formação da Terra - A Litosfera - A Hidrosfera
4. Unidade IV
· Biosfera – Atmosfera - Antroposfera
· Conservação, preservação e desenvolvimento sustentável
· Degradação e poluição ambiental
· Mudanças climáticas
5. Unidade V
· Modernização da agricultura
· Reforma agrária
· Os movimentos sociais no campo - Migrações
· Geografia da População
· A questão da fome no campo e na cidade.
6. Unidade VI
· Sociedade do consumo - os recursos ambientais
· Fontes de energia e urbanização
· As metrópoles e os problemas socioambientais urbanos
· Rede urbana - Geografia da circulação.
TEMA
S TRANSVERSAIS
7º ANO
Ementa
Dinâmica do espaço brasileiro Geografia do Brasil. Aspectos da dinâmica paisagística e da natureza, da ocupação histórica, das desigualdades regionais e econômicas e da diversidade cultural, conteúdos demográficos e sobre avanços tecnológicos, as relações campo-cidade, os variados problemas socioambientais do Brasil.
Competências
· Conhecer a realidade brasileira a partir das noções de lugar, região, paisagem e território.
· Compreender o funcionamento da natureza no Brasil e sua importância para a
construção do nosso país.
· Conhecer a dinâmica socioambiental do campo e da cidade no Brasil.
Habilidades
· Saber utilizar a linguagem gráfica para obter informações e representar a
espacialidade dos fenômenos geográficos brasileiros.
· Realizar leitura paisagística de modo que interprete, analise e relacione informações sobre o espaço brasileiro.
Objetivo
Estudar o território brasileiro em suas várias dimensões de forma a obter conhecimentos que contribuam para o pleno desenvolvimento da cidadania e para a construção de uma identidade com o território nacional e com o lugar onde vive o educando.
Conteúdo Programático
1. Unidade I
· O Brasil
· A formação territorial do Brasil e as desigualdades regionais.
· A população e o povo brasileiro.
2. Unidade II
· Elementos naturais do território brasileiro.
· Os domínios morfoclimáticos brasileiros e seus problemas.
· Conservação e preservação no Brasil.
· Conflitos socioambientais e desenvolvimento sustentável.
· Degradação e poluição ambiental no campo e na cidade.
3. Unidade III
· Modernização capitalista e as mudanças paisagísticas, ambientais e territoriais no campo.
· Industrialização e urbanização no Brasil
· Fontes de energia.
4. Unidade IV
· As regiões brasileiras e os complexos regionais
· A construção do espaço regional Nordestino: Os conflitos locais - Diversidade cultural e natural - A questão da seca e das desigualdades sociais – Economia
· Geografia de Sergipe e de Itabaiana
5. Unidade V
· A construção do espaço regional do Sudeste e do Sul do Brasil: Os conflitos locais
· Diversidade cultural
· Industrialização e problemas ambientais
· Paisagens naturais.
6. Unidade VI
· A construção do espaço regional do Norte e do Centro-oeste do Brasil: As paisagens naturais e os recursos minerais - A fronteira agrícola e seus problemas - Os conflitos locais - Diversidade cultural.
TEMAS TRANSVE
8º ANO
Ementa
A dinâmica natural, econômica, sociocultural e política do continente americano: Geografia da América.
No oitavo ano as discussões giram em torno do continente americano. Essa opção regional deve-se à localização do Brasil, a sua proximidade com alguns países da América do Sul e aos fortes laços de vinculação com o nosso modelo ocidental de civilização. A formação do Mercosul, mais recentemente, tem reforçado essa opção de estudos do continente americano pelos jovens da quarta fase do Ensino Fundamental brasileiro.
Competências
· Conhecer a realidade do continente americano a partir das noções de lugar, região, paisagem e território.
· Compreender o funcionamento da natureza na América e sua importância para a construção do espaço americano em geral e do espaço brasileiro em particular.
· Conhecer a dinâmica socioambiental do campo e da cidade no continente
americano.
Habilidades
· Saber utilizar a linguagem gráfica para obter informações e representar a
espacialidade dos fenômenos geográficos do continente americano.
· Realizar leitura paisagística de modo que interprete, analise e relacione informações sobre o território americano.
Objetivo
Estudar a realidade geográfica da América na perspectiva de ampliar os conhecimentos sobre a paisagem, a sociedade e os territórios do continente e de contribuir para a formação crítica do educando.
Conteúdo Programático
1. Unidade I
· Desenvolvimento e subdesenvolvimento
· Velha e Nova Ordem Mundial
· Capitalismo e Crise do Socialismo
· Globalização e exclusão social.
2. Unidade II
· A economia globalizada e a América
· A formação territorial e as heranças da colonização.
3. Unidade III
· Paisagens naturais da América
· Os problemas ambientais globais que afetam o continente.
4. Unidade IV
· A diversidade regional da América: A (des)organização do espaço geográfico
· O desenvolvimento desigual das Américas.
5. Unidade V
· Conflitos na América Latina.
6. Unidade VI
· O NAFTA, A ALCA e o MERCOSUL e a formação de blocos econômicos na América
· O domínio dos Estados Unidos no continente americano e o papel geopolítico do Brasil na América do Sul.
AS TRANSVERSAIS
9º ANO
Ementa
O mundo numa visão geográfica: Geografia Regional.
Competências
· Conhecer os principais problemas regionais do nosso planeta na tentativa de
encontrar uma visão integrada das questões mais atuais, enfatizando a
historicidade,sua identidade cultural e as questões socioambientais.
· Conhecer o mundo atual em sua diversidade, favorecendo a compreensão de como a paisagem, os lugares e os territórios são construídos.
Habilidades
· Saber utilizar a linguagem gráfica para obter informações e representar a
espacialidade dos fenômenos geográficos regionais e mundiais.
· Realizar leitura paisagística de modo que interprete, analise e relacione informações sobre o espaço regional do mundo e sobre o planeta como um todo.
Objetivo
Estudar a Geografia regional do mundo em suas várias dimensões de forma a obter conhecimentos que contribuam para o pleno desenvolvimento da cidadania.
Conteúdo Programático
Unidade 1
· O mundo globalizado e a construção do espaço geográfico contemporâneo
· Geografia do Poder: Territórios, Fronteiras e Nações.
Unidade 2
· Geografia Regional do Mundo: África - Descolonização e as Fronteiras atuais
· Contrastes culturais, naturais e paisagísticas
· Conflitos regionais
· Fome e doenças.
Unidade 3
· Geografia Regional do Mundo: Europa - Formação - Integração – Desigualdades socioeconômicas
· Diversidades naturais e paisagísticas
· Conflitos regionais
· Imigração
· CEI e seus problemas atuais.
Unidade 4
· Geografia Regional do Mundo: Ásia - Conjuntos regionais
· Israel e a questão palestina
· Geopolítica da energia no Oriente Médio
· Desigualdades econômicas e diversidades paisagísticas.
Unidade 5
· Geografia Regional do Mundo: Ásia - Japão e Tigres Asiáticos
· China
· Sul da Ásia ou subcontinente indiano
· Sudeste Asiático.
Unidade 6
· Oceania
· Antártida.
TEMAS TRANSVERSAIS
GEOGRAFIA

2 comentários: